Dicas para criar mundos fictícios do zero

Ano novo, vida nova. Bem, para nós, humanos que vivem no planeta Terra (e mais especificamente, no Brasil), não é bem assim. Mas, como escritores, podemos embarcar em novas histórias a qualquer momento, e há momento melhor para criar um mundo novo do que o começo de uma nova década? Na primeira dica de autopublicação da Bibliomundi para 2021, vamos ensinar você, autor de ficção, todas as dicas que precisa saber para criar um mundo fictício. Se escapar da realidade é o que você precisa, Leia mais

Como terminar uma história

O ano está acabando e o seu livro também. Com a autopublicação pela Bibliomundi, você pode se tornar um autor independente dentro de 72h. Mas antes, precisa dar um fim para essa história. O momento de desespero. Como escrever um bom final para um livro? O final de um livro é, de certa forma, tão relevante quanto o começo. Se as primeiras páginas da história são responsáveis por prender o leitor e convencê-lo a dar continuidade à leitura, as últimas definem se ele gostará do Leia mais

A jornada do herói: como usar o monomito para escrever um livro

Este mês, falamos sobre diferentes inspirações de modelos de estrutura para enredos. Não podíamos tocar nesse assunto sem trazer à tona a Jornada do Herói, também conhecida como monomito. Por isso, nas dicas de autopublicação de hoje, vamos nos dedicar inteiramente a explicar esse modelo narrativo que está presente no nosso imaginário desde que o mundo é mundo. O monomito é um termo que foi conceituado por Joseph Campbell, professor de literatura e especialista em mitologia, no livro O Herói de Mil Faces (1949). A Leia mais

Como escrever livro de true crime?

True crime é um dos gêneros mais em alta na atualidade. Seja em livros, documentários, séries, filmes ou mesmo podcasts, o conteúdo que aborda em detalhes os crimes que aconteceram na vida real tem um público cativo. Segundo pesquisa realizada pelo site Newshelves, os livros de true crime representavam 13% das vendas de títulos de não ficção em 2015. Esses números apenas cresceram, totalizando um aumento de 15% nas vendas do gênero true crime até 2019 (fonte: Writers Forum Magazine). Para escrever um livro de Leia mais

Livro digital ou impresso? Esqueça essa disputa

Quando os ebooks surgiram como um formato estabelecido, as editoras e principalmente os saudosistas tremeram na base, com medo do que isso poderia significar para os livros impressos. Logo depois, no entanto, o que vieram foram os boatos de que o mercado de ebooks estava em decadência, de que a nova moda não tinha colado. Um falso boato. Como explicamos no artigo Novos mercados de ebooks para editoras, os livros digitais representam um mercado em expansão, cujas vendas estão fora da curva. As pesquisas que Leia mais

Inspiração: modelos de estrutura para enredos

Antes de publicar livro, você já pensou criticamente sobre qual estrutura de enredo usar em sua história? Ou toda vez que cria uma história, você só sai escrevendo até pensar “acabei”? Uma narrativa tipicamente pode ser dividida em partes para além do básico “começo, meio e fim”. A quantidade de partes nas quais uma narrativa pode se dividir e a forma com a qual essas partes se relacionam entre si, tudo isso define a estrutura do enredo. Ainda que você não pense criticamente sobre isso, Leia mais

Como desenvolver o tema da sua narrativa

Toda boa história tem um tema. É praticamente impossível escrever uma narrativa sem que ela encontre seu tema central, o “assunto” sobre o qual dialoga. Seja ou não uma escolha intencional do autor, o tema é necessário para publicar livro que conquiste os leitores. Se você já publicou livros antes e nunca pensou sobre um tema para eles, pode ser que essa afirmação o pegue de surpresa. “Como assim um tema é necessário se até hoje eu nunca precisei?”. O que ocorre é que, às Leia mais

Fim de cena: como sinalizar essa transição na escrita?

Ser um autor independente também significa se atentar aos pequenos detalhes que vão além da escrita em si. Quando se opta pela autopublicação, o escritor se desdobra em vários: editor, publicitário, diagramador. Surgem, então questões antes esquecidas. Por exemplo: como sinalizar a transição de cenas? Um texto agradável aos olhos é dividido em seções organizadas. Gramaticalmente, usamos espaços, pontuação e parágrafos para que o texto não seja um aglomerado infinito de letras. Ao organizar uma narrativa, temos mais alguns recursos. O mais comum é a Leia mais

Um dos terrores dos autores iniciantes é a repetição de palavras impossíveis de não se repetir. Por exemplo, o nome das personagens, pronomes e verbos obrigatórios como “dizer”. Simplesmente não há como publicar livro sem que esses termos apareçam mais de uma vez no texto. O que queremos explicar hoje nas dicas de autopublicação da Bibliomundi é: não tem problema. Pode repetir. “Mas como assim?” Você pergunta. “Não é cansativo para o leitor ver as mesmas palavras de novo e de novo e de novo Leia mais

Como NÃO escrever um triângulo amoroso

Os triângulos amorosos são um dos grandes clichês da ficção e não apenas em livros de romance. Seja uma história de aventura, ficção histórica, fantasia ou às vezes até terror, o triângulo amoroso dá um jeito de se esgueirar pelos caminhos e se instaurar na vida dos protagonistas. Há leitores que não aguentam mais o uso desse trope na escrita. Não é que você não deva jamais publicar livro com um triângulo amoroso. Sabemos que essas formações geométricas podem render excelentes tramas. A questão é Leia mais