O que faz alguém comprar um livro?

Nós, escritores, dedicamos toda a nossa energia à tarefa de escrever um bom livro. Com todo o cuidado do mundo, pensamos no conteúdo, escolhemos nossas palavras, editamos, reescrevemos. Queremos oferecer o melhor aos leitores. Mas e quando não leem nosso livro? Para onde vai todo esse trabalho? 

Precisamos pensar para além do que vai dentro do livro. Precisamos traçar um caminho que conecte a obra ao leitor, não basta apenas publicar livro. Só assim a leitura será feita de fato.

Então, vamos à questão: o que faz alguém comprar um livro? Quais são os fatores que atraem um leitor em potencial a ponto de fazê-lo gastar seu dinheiro com a obra que você criou? 

Não estamos pondo em xeque a credibilidade do seu trabalho. Acreditamos que o seu livro possa ser maravilhoso. O problema é convencer o leitor quando se é um autor iniciante, que ainda está construindo o seu nome. Para o mundo descobrir que o seu livro é incrível, alguém o precisa ler primeiro.

Verdade seja dita, um dos principais fatores que levam alguém a comprar um livro é o autor. Não é à toa que as editoras tradicionais evitam publicar autores desconhecidos. Quando um escritor é famoso, os seus livros automaticamente ganham certa credibilidade para os leitores. Isso vale tanto para autores que já publicaram bons livros e ganharam reconhecimento, quanto para autores que se destacam em outras áreas e, por isso, conquistaram o interesse dos leitores. Hoje em dia, muitos YouTubers se tornam autores de sucesso, por exemplo.

Se você ainda não tem um nome conhecido, não precisa se desesperar. Existem muitas outras formas de se conquistar leitores no mundo da autopublicação e, eventualmente, esses leitores terão interesse em comprar cada vez mais livros de sua autoria.

1. Título, capa, sinopse e preço

Esse é quarteto fantástico das vendas de livros. Que o leitor julga o livro pela capa todos já sabem, mas ainda existem escritores que subestimam a importância de uma bela arte para atrair a atenção do público. Se possível, contrate um capista profissional para fazer o trabalho e leve sempre em consideração a ideia que você deseja transmitir com a capa. Ela deve representar o gênero e o conteúdo do livro, caso contrário, o leitor se sentirá enganado.

Nunca subestime também a importância de um título cativante. Embora a maioria dos leitores não tenha opiniões conscientes sobre o título de um livro, é comprovado que esse é um fator que influencia a compra. No mundo dos ebooks, em especial, o título ganha um poder maior ainda pois é a informação de destaque nos catálogos das lojas virtuais, sendo às vezes até mais chamativo do que a própria capa.

Tendo se interessado pela capa e o título, o leitor provavelmente dará uma chance para a sinopse. Agora é a hora de explicar ao leitor do que o seu livro se trata e, se possível, dar uma palinha do seu estilo de escrita. Nós abordamos esse assunto a fundo no artigo Como escrever uma sinopse para seu livro e ebook.

Por fim, o preço de capa é um fator decisivo. Título, capa e sinopse serão colocados na balança contra o gasto que essa compra representa para o leitor. Se o seu livro for mais caro do que é interessante, não será comprado. Se o preço parecer justo ao leitor, parabéns, você conseguiu vender seu ebook!

2. Leitores de nicho

Uma outra abordagem para a compra de livros que é muito comum entre os leitores ávidos de ebooks é a compra por nicho. Basicamente, os leitores de nicho buscarão ebooks que falem sobre um tema que os interesse. Por exemplo, se esse leitor estiver interessado em assuntos esotéricos, ele pensará em quais temas específicos deseja ler, buscará livros que abordem esse assunto e comprará aqueles que melhor se encaixarem em suas necessidades.

Quando se trata de leitores de nicho, eles existem para qualquer gênero, desde a ficção até a não ficção. Podem ser pessoas que querem ler textos informativos para se aprofundar em uma área do conhecimento ou simplesmente pessoas que sabem qual gênero literário gostam de ler e compram todos os lançamentos desse nicho.

Para atrair esse tipo de leitor, a melhor dica é categorizar o seu livro adequadamente. Explicamos como fazer isso no artigo A magia das palavras-chave.

3. Recomendações

Por último, mas não menos importante, estão as recomendações. A quantidade de pessoas que só compram livros por recomendação não está no gibi. E essas recomendações podem vir das mais diferentes fontes. Às vezes, é um professor quem recomenda. Outras, é uma revista. Pode ser um amigo também. Ou quem sabe um YouTuber voltado para literatura. Tem também as pessoas que participam de clubes de leitura.

O ponto que todas essas fontes têm em comum é a confiabilidade. Para alguém comprar um livro que foi recomendado, é preciso confiar na recomendação. Ou o discurso foi muito convincente, ou o leitor já tem uma confiança estabelecida em quem recomendou.

Novamente, ser um autor conhecido facilita as vendas. Afinal, para recomendarem o seu trabalho, precisam conhecê-lo primeiro. O que alguns escritores iniciantes esquecem é que existem formas bem simples de se fazer conhecido. Por exemplo, você pode enviar uma cópia gratuita do seu livro para um YouTuber literário. Simples assim, você ganhará uma resenha.

A sua rede de contatos também tem um valor inestimável. Segundo a Catarse, uma plataforma de financiamento coletivo, uma porcentagem fundamental dos apoios vêm de pessoas próximas ao desenvolvedor do projeto. Então, não se esqueça de falar do seu livro com sua família e amigos. Faça deles os seus maiores fãs e quem sabe eles não conquistarão novos leitores para você?

E você, autor? Por que você compra um livro? E como isso influencia as suas próprias estratégias de vendas de ebooks?

3 Comentários

  1. Kaboclinho

    E existem dois motivos fortes para nao comprar: primeiro,brasileiro nao gosta de ler; segundo: livros sao caros.

    Responder

  2. Só existem 2 motivos para alguém comprar um livro, apenas 2.
    Porque gosta ou porque precisa.
    A realidade é mais simples, mas não menos desafiadora.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *