Ebooks de literatura infantil

Os livros infantis cumprem um papel muito importante no desenvolvimento da criança: eles ajudam na alfabetização, alimentam a criatividade e podem ser muito educativos, além de permitir a criação de um hábito de leitura desde os primeiros anos. Na era digital, cada vez mais crianças usam tablets e smartphones. Logo, o mercado de ebooks infantis está crescendo cada vez mais, com ótimas oportunidades para autopublicação.

Dados apresentados na conferência da Digital Book World por Jonathan Nowell apontam que as crianças estão começando a ler ebooks mais cedo. Segundo o StatShot Annual Report levantado pela AAP (Associação de Editoras Americanas), a venda de livros infantis e Young Adult cresceu de 2016 para 2017. Nos cinco anos desde 2013, a receita de livros de ficção infantis e YA cresceu em 11,3%, alcançando 3,7 bilhões de dólares. São dados promissores.

Qual o diferencial dos ebooks infantis?

Para os pais, os ebooks infantis apresentam muitas vantagens em relação ao formato impresso tradicional. São mais em conta, mais fáceis de comprar e infinitamente mais fáceis de guardar, todos fatores de máxima importância hoje em dia. Contudo, as vantagens dos ebooks infantis não param aí. O formato digital tem opções de interatividade que não seriam possíveis de outra forma, e é comprovado que quando um ebook explora essas possibilidades de maneira didática sua leitura é mais benéfica do que a de uma versão impressa (fonte: Korat e Or, 2010).

Por exemplo, há a opção de “leitura em voz alta” nos ebooks, que permite que a criança acompanhe o texto enquanto ouve o conteúdo, o que facilita a leitura para crianças com dificuldades e as ajuda a associar o som às palavras, desenvolvendo a fluência da leitura. Ao remover o principal obstáculo, a compreensão do texto também evolui.

Outro recurso interessante é o dicionário, que é ativado ao clicar em uma palavra. Ao introduzir palavras difíceis, o autor pode destacá-las em negrito, por exemplo, e incentivar a criança a clicar nas palavras e expandir seu vocabulário.

Esses e outros recursos tornam os ebooks “realmente promissores” no auxílio para a alfabetização infantil, segundo estudos levantados por Biancarosa e Griffiths em 2012. Os ebooks contribuem até mesmo na compreensão do que são letras, palavras e frases e na atenção aos sons e pronúncias, especialmente para crianças com dificuldades cognitivas (fonte: Shamir e Schlafer, 2011).

Como fazer um ebook infantil de sucesso?

Em primeiro lugar, é importante ter uma boa noção do que as crianças querem e precisam. No mercado editorial tradicional, as opiniões de pedagogos fazem a diferença, porque boa parte do público que compra os livros infantis é composto de educadores. Mais do que entretenimento, a literatura infantil também deve contribuir para o desenvolvimento da criança.

Livros infantis podem expandir o vocabulário ao apresentar temas bem específicos, como uma série sobre insetos, por exemplo; pode acrescentar à cultura da criança, como em ebooks sobre o folclore brasileiro; pode educá-la emocionalmente, ao apresentar conceitos como “amor” e “amizade”; e até mesmo oferecer conselhos valiosos, por exemplo, “como superar seus medos”.

Para conseguir alcançar qualquer uma dessas metas, no entanto, é essencial uma noção do que as crianças querem e conseguem ler dentro de determinada faixa-etária. Todos sabemos que crianças gostam de desenhos muito coloridos e brincadeiras, até aí tudo bem. Contudo, nem todo autor já nasce com a noção de que os livros infantis são bem exigentes quanto ao nível de vocabulário por idade.

O público-alvo de livros infantis é bem diferente de qualquer outro gênero. Basta pensar, por exemplo, em como os livros Young Adult muitas vezes fazem sucesso entre pessoas na faixa dos 30 a 50 anos, ou em como as faixas-etárias para pessoas mais velhas são muito mais amplas, de 20 a 30, de 40 a 50. Em cada grupo cabe uma década inteira ou mais. As crianças não funcionam bem assim.

Segundo pesquisas em literatura-infantil realizadas pela professora doutora Ana Mariza Ribeiro Filipouski (1982), o modelo do livro infantil deve ser correspondente à etapa do desenvolvimento cognitivo da criança, como você pode observar na tabela a seguir:

Literatura infantil em ebooks - Faixa etária Filipouski

Então, enquanto adultos podem escrever de maneira mais “natural” para outros adultos, utilizando o próprio vocabulário e tendências de leitura como base, ao escrever livros para crianças, é necessário readaptar toda a linguagem para as capacidades específicas da faixa-etária.

Para conseguir realizar essa façanha, a melhor dica é: conviva com crianças, leia muitos livros-infantis e, se possível, estude um pouco sobre as etapas cognitivas. E, é claro, antes de começar a escrever, escolha exatamente qual a faixa-etária desejada, para que o seu livro seja adequado.

Seguir esse modelo não significa que o seu livro não pode ser criativo. A literatura infantil tem suas próprias regras, mas muitas vezes caminhar para esse mundo representa deixar para trás as restrições da vida adulta, que exige “seriedade” e “objetividade”. Além disso, é sempre gratificante contribuir para a educação de novas gerações.

Um segredo para o sucesso com ebooks infantis é se atentar a nichos e tendências. Afinal, nem toda criança é igual, e elas também vivem a par da atualidade. Uma tendência atual são livros infantis com protagonistas mulheres. Com o aumento da representatividade na ficção e a força das pautas progressistas, é cada vez mais interessante escrever livros infantis que empoderam pequenas meninas.

É possível também que você encontre campos que precisam ser explorados na literatura infantil. Escrever sobre algo que quase ninguém falou antes é uma excelente oportunidade para construir nichos e atrair leitores. Foi o caso da série Luca Lashes, desenvolvida por Nicole e Damir Fonovich, autores independentes, educadores e pais do Lucas.

O casal sempre esteve atento ao mercado de literatura infantil e, ao perceber uma demanda por livros que abordassem o medo de fazer coisas novas, decidiram criar uma série de ebooks e aplicativos voltados para esse tema para crianças de até quatro anos. Em apenas um ano, eles escreveram, editaram e traduziram nove livros e aplicativos, e já conquistaram uma boa dose de seguidores a nível global.

Publique ebook infantil na Bibliomundi

Você também pode publicar livro infantil de sucesso. Nossa plataforma oferece recursos para você editar seu ebook de maneira simples, sem precisar de qualquer noção de formatação. Tem alguma dúvida? Dê uma olhada nos nossos artigos Como fazer um ebook: tudo o que você precisa saber e Como fazer um ebook ilustrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *