Como organizar seu tempo para escrever mais e melhor?

A falta de tempo é o bicho-papão de boa parte dos escritores que ainda estão começando. Como encaixar a escrita para autopublicação nas nossas vidas atribuladas? Como arrumar um tempinho para escrever entre trabalho, estudo, arrumação da casa, resolução de problemas e mil outras responsabilidades da vida adulta? Não está fácil para ninguém, mas tem como melhorar. É tudo uma questão de organizar seu tempo.

Já explicamos no artigo A importância da disciplina para um autor profissional como é necessário estabelecer uma rotina de escrita e levar essa rotina a sério, do mesmo modo que você leva seu emprego a sério (ou assim esperamos). Para se tornar um autor independente, você deve considerar publicar ebook uma prioridade. Adotar essa mentalidade por si só já é um passo para aumentar a produtividade para a escrita.

Contudo, não basta simplesmente pensar “hoje eu levo a sério” e esperar que tudo mude. Uma boa atitude faz toda a diferença, mas se não tivermos planos e metas alcançáveis, com o tempo, a tendência é perdermos a motivação de novo e voltarmos a cometer os mesmos erros. Hoje vamos ensinar as estratégias que você precisa para organizar seu tempo e escrever melhor.

1.     Deixe os maus hábitos para trás

Estabelecer uma nova rotina requer alguns sacrifícios. Não tem jeito. Quase sempre essas mudanças vem para o bem, mas para isso temos que sair da zona de conforto e abandonar hábitos deliciosos que atrapalham sua produtividade.

Então, olhe bem para a sua rotina e responda. O que é que você faz que ocupa seu tempo de forma inútil? Alguns exemplos muito comuns são:

·       Assistir séries

·       Acessar as redes sociais

·       Acessar catálogos de lojas online

·       Jogar no celular ou computador

·       Jogar conversa fora

·       Cochilar

Entenda, não estamos dizendo que você tem que eliminar totalmente esses hábitos da sua vida. Você pode sim assistir séries, fazer compras e jogar um joguinho. Mas com moderação. Essa é a linha que separa um hábito inofensivo e quiçá saudável de um vício que consome seu tempo útil.

Para reduzir o tempo que você gasta com passatempos e evitar a procrastinação, você pode seguir o modelo pomodoro. Ou seja, no tempo livre que você tem para escrever ou se divertir, você segue um cronograma regrado, no qual a cada 25 minutos escrevendo, você tira um descanso de 5 minutos. Repita quatro vezes e, então, descanse por 15 minutos.

Não é necessário seguir o esquema pomodoro tintim por tintim, mas você pode adaptar o modelo à sua realidade. Por exemplo, se você prefere escrever sem intervalos, você pode deixar para assistir sua série favorita após escrever, como uma recompensa pelo trabalho duro.

Caso você esteja muito cansado e precise descansar e se distrair um pouco antes de escrever, uma alternativa é colocar um alarme para avisar você quando é hora de começar a trabalhar no seu livro.

2.     Faça um cronograma semanal

Se você vive no mesmo país (ou mundo) que nós, com certeza sua vida está uma bagunça. Mais do que apenas responsabilidades, todos os dias você enfrenta dificuldades também. Parece loucura arrumar um tempo para escrever no meio dessa turbulência toda, mas se você quer publicar livro, tem que fazer acontecer, nem que escreva por apenas 10 minutos ao dia.

Antes de mais nada, diga a si mesmo que escrever é uma prioridade. Assim como é necessário dormir, se alimentar e trabalhar, também é necessário escrever. De acordo? Em seguida, é hora de dar uma boa olhada na sua semana.

Tente mapear o que você faz em cada dia da semana. Por exemplo, de segunda a sábado você trabalha das 9h às 18h, faz curso às terças e quintas das 19h às 21h. Às segundas, quartas e sextas, você cozinha e se alimenta das 20h às 21h. Aos domingos, você cozinha e arruma a casa. Muito bem. Some isso aos pequenos problemas que você tem que resolver e onde fica o tempo para escrever?

Uma possibilidade é escrever à noite. Todos os dias você está disponível após as 21h. Caso você fique muito cansado após o trabalho, também pode tentar cozinhar apenas duas vezes por semana, em vez de três, e congelar marmitas.

O tempo que você passa no transporte também pode ser hábil. Embora não seja adequado escrever em um veículo, você pode realizar atividades mentais, como o brainstorming, isto é, pensar em uma enxurrada de ideias para o seu livro. Você pode gravar ou anotar as melhores ideias.

Se ao olhar para a sua rotina semanal e perceber que a escrita não se encaixa, seja em teoria ou na prática, é hora de rever suas prioridades. Quase sempre há algo que pode ser removido, como no exemplo das marmitas.

Faça uma lista de todas as suas atividades em ordem de prioridade e, então, olhe de novo para o seu cronograma semanal. O tempo que você gasta com cada atividade é correspondente ao nível de prioridade dela? Se não, é hora de reorganizar seu cronograma.

3.     Não seja duro demais consigo mesmo

Vivemos no país com maior taxa de ansiedade da América Latina. Nossas vidas são agitadas, quase sempre carregamos mais do que aguentamos nas costas e, a cada tropeço, culpamos a nós mesmos. Isso não é legal.

É difícil estabelecer uma rotina. É difícil preparar um cronograma lindo e depois segui-lo com perfeição. Você não só pode como vai se embaralhar aqui e ali. E isso é perfeitamente normal. De verdade. A vida acontece sem obedecer às nossas vontades.

Além do mais, não é produtivo se cobrar demais. O resultado da cobrança é o surto, e o surto apenas compromete mais ainda o seu cronograma, o que causa mais ansiedade.  Por isso, seja gentil com você mesmo. Seus planos deram errado? Paciência. Um passo de cada vez. Um dia de cada vez.

A escrita não deve ser um processo desagradável. Sim, ela é trabalhosa. Ela exige compromisso e disciplina. Mas além de tudo ela é arte, ela é paixão. Mantenha uma relação saudável entre o escritor e a escrita.

4.     Mude seu ponto de vista

Uma ótima maneira de se adaptar a uma nova rotina sem criar sentimentos negativos em relação a ela é encarar as suas decisões pelo que elas são: suas decisões. Ou seja, você escolheu sozinho agir dessa maneira. Essa é uma rotina que você estabeleceu. São as prioridades que você definiu.

A rotina não é uma mestra que obriga você a fazer tudo o que ela manda. Não, você está no controle. Então, chega de dizer “não posso”. “Não posso ver TV”, “não posso sair com meus amigos”, “não posso jogar”. Ninguém está impedindo você, mas você sabe o que é melhor. O que é importante.

“Eu não vejo TV a noite porque escrevo nesse horário”. “Hoje não vou sair, vou escrever”. Percebe como essas frases tem um impacto diferente de quando você diz “eu não posso”? Nos primeiros passos, você já avaliou quais atividades atrapalham sua produtividade e quais horários são melhores para escrever seu livro. Agora, você simplesmente está seguindo seus planos porque sabe que é o caminho certo.

5.     Facilite o processo criativo

Sempre que você para uma tarefa porque precisa de algo que não está ali, você perde tempo. Então é hora de colocar tudo o que é necessário em mãos sempre que você for escrever.

Organize seu espaço de escrita. É sempre bom ter uma “zona criativa”, um lugar que você saiba que é feito para você escrever. Pode ser um escritório ou um canto do seu quarto, desde que seja um lugar onde você consegue produzir. Para que tudo flua melhor, é bom que fique sempre organizado e tenha uma decoração harmoniosa, que faça você se sentir bem.

Deixe suas ferramentas em mãos. No espaço de escrita, fica o seu computador, máquina de escrever, caderno ou o que quer que você use para escrever seu livro. Além disso, é bom que ele tenha pastas e até um quadro para que você possa organizar suas ideias.

Anotações, cronogramas e mapas são úteis. Você faz anotações importantes sobre seu livro? Prepara biografias das personagens? Tem cronogramas de escrita? Mapas da história? Todos esses itens devem estar ao alcance de suas mãos no local de escrita, de preferência de maneira fácil de encontrar.

Uma água e um lanche fazem bem. Você tem necessidades como qualquer outra pessoa, e elas não somem magicamente só porque você está escrevendo. Que tal já deixar uma garrafa d’água e um lanchinho em mãos? O ideal é que seja algo fácil de comer e não muito pesado, como uma barrinha de cereais.

E aí, autor? Está pronto para revolucionar sua rotina com essas estratégias de organização de tempo? Lembre-se de sempre manter a paciência e que você tem controle sobre suas prioridades. Seja firme nas suas prioridades e gentil consigo mesmo. Você pode ser o best-seller de amanhã.

2 Comentários

    1. Redação

      Continue com sua rotina de escrita! Ela é essencial para qualquer escritor.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *