Autopublicação e tendências: ebooks de poemas

Publicar ebook de poemas nem sempre foi visto como uma possibilidade, mas hoje é muito mais do que isso: é uma oportunidade. Cada vez mais a poesia se encaixa na experiência contemporânea. Em uma era na qual as pessoas não conseguem encontrar o tempo ou a atenção para ler textos muito longos, o formato pequeno e simples dos poemas encontra o seu ambiente ideal.

A poesia cabe no Twitter, cabe nas imagens do Instagram e, inclusive, essas redes sociais são responsáveis por alguns dos maiores casos de sucesso da poesia contemporânea no Brasil e no mundo. É o que podemos observar com grandes autoras como Rupi Kaur. Poetisa e feminista, Kaur começou como autora independente e, devido ao seu enorme sucesso no Instagram, fechou um contrato com uma editora e já vendeu mais de 2,5 milhões de cópias. Tudo isso com apenas 25 anos de idade e 4 anos como autora profissional.

Contudo, nem todo caso de sucesso surge nas redes sociais. Na Bibliomundi, uma de nossas autoras de destaque é a poetisa Angela Lit, que conquista leitores apenas com sua sensibilidade poética e versos que embalam sensações e imagens como um só. Suas coleções de poesias têm preços acessíveis, na média dos R$ 0,90 por ebook, para os leitores mais ávidos devorarem a vontade sem perder em nada na experiência de leitura.

Como você pode observar, são muitos os caminhos para o sucesso na poesia, mas um elemento deve sempre ser levado em consideração: o leitor, seu nicho. Para Angela Lit, uma presença nas redes sociais não foi necessária. Sua estratégia é voltada para a publicação de muitos ebooks acessíveis para o leitor, o que contribui para a formação de um público fiel, e a indexação adequada dos ebooks. Ou seja, se você pesquisar “poesia”, encontrará as obras de Angela Lit, como Passeios Poéticos. Para saber mais sobre o preenchimento de metadados, leia nosso artigo A magia das palavras-chave.

Autopublicação e tendências: ebooks de poemas

Para os autores mais silenciosos, que gostam de aproveitar o anonimato da escrita, essa é uma excelente estratégia. Por outro lado, se você quer criar uma conexão mais íntima com os leitores ou realmente botar sua voz para jogo, as redes sociais são uma ferramenta incrível.

O Youtube, por exemplo, é excelente para a leitura de poesia em voz alta, e pode abrir novos caminhos. No Tumblr, uma rede gratuita de blogs, você pode encontrar uma comunidade de escritores e leitores de poesia que estarão dispostos a conhecer seu trabalho e até mesmo divulgá-lo. Se o seu trabalho tem uma pegada visual, então o Instagram é perfeito para você. No modelo de Rupi Kaur, por exemplo, os poemas contam com ilustrações, e a poesia é intercalada com fotos da autora, relevantes para a construção de sua voz enquanto mulher feminista.

Dá para ler poesia em ebook?

O principal desafio no desenvolvimento de ebooks de poesia era a criação de um layout adequado para dispositivos móveis sem prejudicar a estética do poema. Considerando a íntima relação entre palavra e forma presente na poesia, uma pequena alteração no espaçamento poderia destruir a obra como um todo.

Por esse motivo, muitos poetas eram céticos em relação à autopublicação de poesia por meio de ebook e, antigamente, tinham razão. No entanto, a tecnologia dos ebooks evolui cada vez mais e, hoje em dia, é completamente possível publicar livro de poesia digital sem que a forma sofra qualquer dano.

Basta dar uma olhada nesta página do livro A Princesa Salva a Si Mesma Neste Livro, da poetisa norte-americana Amanda Lovelace, visualizada em tela de smartphone para saber que não estamos mentindo:

Caso você queira publicar um livro de poesia com imagens, também é possível. Como abordamos no artigo Como fazer um ebook ilustrado, a Bibliomundi oferece o suporte necessário para incluir imagens nos ebooks. Para isso, você tem duas opções: ou inclui a imagem dentro do texto, ou o texto dentro da imagem.

Textos Cruéis Demais Para Serem Lidos Rapidamente de TCD.

Explicando um pouco melhor, na primeira opção as imagens são anexadas ao ebook como algo independente do texto. Ou seja, se o leitor optar por uma fonte maior, verá a imagem em uma página e o texto em outra. Esse é o layout normal para ebooks ilustrados, que se adapta ao tamanho da tela e às preferências do leitor. É uma excelente escolha para ebooks que combinam fotografia e poesia.

Honey and Milk de Rupi Kaur.

Caso você queira integrar imagem e texto de maneira codependente, ou até mesmo deseje criar uma imagem usando o texto, como na poesia concreta, então um layout fixo seria a melhor opção para você. Neste caso, você pode utilizar um editor de imagens para incluir o texto dentro da imagem e, em seguida, anexar a imagem ao seu ebook. Para mais informações, leia o nosso artigo sobre ebooks ilustrados!

Os aspectos mais visuais da poesia contribuem também para que ela viage longe e alcance leitores que, tradicionalmente, não leriam poesia. Trata-se de um estilo contemporâneo, visceral, que acerta diretamente nas nossas experiências individuais e coletivas, ilustrando seu significado com palavras e formas.

O resultado são leitores vorazes, um público vasto e cheio de potencialidades, embora bem específico em seus hábitos de leitura: eles querem cada vez mais. São leitores silenciosos por vezes, e por outras querem gritar suas palavras para o mundo, tatuá-las na pele. É um nicho ávido para ser explorado.

E aí, autor? Já está pronto para se transbordar? Publique um ebook de poemas pela Bibliomundi. Você pode ser o best-seller de amanhã.

4 Comentários

  1. Artemise Galeno

    Gostaria de publicar meu ebook infantil mas nao sei como ilustra-lo.o q faco?

    Responder
    1. Redação

      Olá Artemise! Para ilustrar seu livro você precisa da parceria com um ilustrador. Existem alguns sites que oferecem serviço de ilustração freelancer.

      Responder
  2. Giane Alves da Silva

    Boa tarde! tenho algumas poesias escritas de minha autoria, mas creio que ainda não dá pra compor um livro.Se eu quiser publicar quantas poesias deverá ter no livro?

    Responder
    1. Redação

      Olá Giane, não há um número definitivo de quantas poesias um ebook de poemas deve ter. Você pode lançá-lo com menos poemas e em volumes diferentes e depois criar uma antologia. Como a plataforma da Biliomundi é gratuita, você pode criar quantos livros digitais quiser: https://bibliomundi.com/autores

      Responder

Deixe uma resposta para Artemise Galeno Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *